KATHARSIS – “Hino a Afrodite e outros poemas”, de Safo de Lesbos

13:00

          Olá, pessoas. Estou aqui mais uma vez! Hoje vou falar de um livro muito especial para mim. Na verdade, vou falar de uma poeta muito especial para mim. Desde meu primeiro semestre no curso de Letras, me apaixonei pela literatura grega antiga. Conheci Safo na aula que minha atual orientadora ministrava no primeiro semestre. Foi o primeiro texto que vi grafado no alfabeto grego e foi amor à primeira vista. Hoje Safo é o tema da minha Iniciação Científica.

Uma representação de Safo na pintura - Autor Desconhecido

            Vou falar um pouquinho dela agora. Safo nasceu por volta de 630 a. C. na cidade de Mitilene, na ilha de Lesbos, ela compunha poemas nos moldes do gênero lírico. É só isso que sabemos de concreto sobre sua vida (eu não disse que falaria um pouquinho? – piadinha ruim). Tudo mais que se fala sobre Safo são suposições, conclusões tiradas a partir da leitura de seus poemas, e isso nem sempre é legal. Alguns poemas de Safo, por exemplo, têm como tema a paixão por mulheres (chamamos os poemas com essa temática de homoeróticos), esses poemas foram lidos por muito tempo como “relatos poéticos” da vida amorosa de Safo, a palavra lésbica foi criada em referência a isso, inclusive. Mas não é bem assim! Não temos como saber se Safo tinha ou não relações com mulheres, até porque os gregos encaravam isso de uma forma bem diferente da nossa. Além disso, Fernando Pessoa já dizia que “o poeta é um fingidor/ finge tão completamente/ que chega a fingir que é dor/ a dor que deveras sente”. Como podemos saber, sem quase nenhuma informação biográfica, se Safo estava mesmo sentindo o que compôs ou se estava apenas “fingindo”, como boa poeta que era? Eu, como estudiosa e apaixonada, acho a dúvida muito mais bonita que a certeza.
            A obra de Safo chegou aos dias de hoje num estado bastante fragmentário. Vários poemas se perderam e, dos poucos que nos restaram, apenas um está completo. Por isso, trabalhar com a poesia de Safo é um grande desafio. Vou indicar aqui a tradução de uma moça muito bacana (ela até autografou o meu livro!), seu nome é Giuliana Ragusa. Ela é professora na área de Estudos Clássicos na USP (Universidade de São Paulo) e especialista em lírica grega. A tradução de Ragusa é muito cuidadosa e preocupada em manter o sentido do poema original. Ela também se isenta de interpretações externas ao texto. Seu livro com traduções de Safo, Hino a Afrodite e outros poemas, está organizado por temas (cada tema tem uma pequena introdução) e traz uma introdução bem mais esclarecedora do que esse resumão que fiz aqui. Para quem quer ter um contato mais próximo da obra de Safo, esse livro é um ótimo começo.

Hino a Afrodite e outros poemas

Por que ler? É empoderador! Como mulher, conhecer Safo me trouxe uma consciência muito maior de que posso fazer o que eu quiser. E é sempre bom prestigiar o trabalho de outras mulheres que se esforçaram tanto para serem o que são. Traduzir poesia grega como Giuliana Ragusa fez não é para qualquer um. Além disso, é muito interessante perceber que, apesar de terem sido compostas há mais de dois mil e quinhentos anos, esses poemas ainda podem nos tocar. Os tempos são outros, mas os sentimentos são os mesmos, e é isso que torna a arte imortal.

O livro: Safo de Lesbos, Hino a Afrodite e outros poemas. Organização e tradução de Giuliana Ragusa. São Paulo: Hedra, 2011.

Quanto? Na faixa de 22 reais.

You Might Also Like

18 comentários

  1. Esse livro parece ser muito interessante, principalmente para nós mulheres! Fiquei curiosa :)
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol.
      Fico feliz que você tenha se interessado. Recomendo muito ;)
      Beijos

      Excluir
  2. A literatura grego-romana é mesmo muito encantadora.
    Se puder busque poemas tbm q são bem lindos. Já conhecia a Safo e me interessei bastante quando o professor comentou sobre ela na aula.
    beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Aline.
      Eu sou completamente apaixonada pela literatura greco-romana! Pretendo até seguir como pesquisadora na área :)
      Beijos

      Excluir
  3. Caramba. Super legal saber dessa autora, é tão importante conhecer coisas que nos empoderem! Gostei bastante.
    Beijos!

    claramenteinsana.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, Carlinha. Eu nunca tinha ouvido falar, mas gostei demais da tua dica e do contexto que tu apresentou aqui. Obrigada pela indicação <3


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Thayse.
      Que bom que você gostou. Sou nova por aqui, acho que você não me conhece ainda, mas fique atenta que todo mês vão rolar dicas culturais/ literárias ;)
      Beijos

      Excluir
  5. Me aparentou ser bem interessante e despertou meu interesse, mas me falta tempo! Porém, já anotei o nome na minha agenda :) bj!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Julie.
      Fico feliz que você tenha gostado. Aproveite quando tiver tempo ;)
      Beijos

      Excluir
  6. Bem interessante, eu nunca tinha ouvido falar, <3 beijos
    www.blogbelezamake.com

    ResponderExcluir
  7. Eu não sou muito de poesia, só estudei bastante porque fiz Letras.
    E olha que não cheguei a ler sobre e nem conhecia Safo.
    Gostei de saber um pouquinho e que pena que não tem mais informações sobre ela né?
    Beijos!
    Blog Pam Lepletier

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pâmela.
      Somos colegas então :D
      É uma pena mesmo, perdemos muita coisa com o tempo.
      Fique ligada nas próximas dicas do Katharsis ;)
      Beijos

      Excluir
  8. Não conhecia...


    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Isa.
      Espero ter despertado a sua curiosidade ;)
      Beijos

      Excluir
  9. Adorei conhecer mais dessa escritora. Obrigado!
    Beijos!

    http://jj-jovemjornalista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

-Nada de ofensas.
-Criticas e sugestões são sempre bem vindas.
-Deixe o endereço de seu blog para que eu possa retribuir.

Acompanhe no Instagram!