5 coisas que aprendi em 2016 e levarei pra vida

12:14

2016 não foi um ano fácil, muito pelo contrário. Para alguns pode ter sido um ano ok, mas para a maioria das pessoas não foi. Astrologicamente foi um ano de mudanças, de retirar de sua vida tudo aquilo que lhe atrasa e te faz mal. 2017 vai ser um ano das reconciliações, do trabalho excessivo e da dosagem das coisas.

Não sei o que aconteceu comigo nesse 2016, perdi sonhos, perdi amigos e me perdi internamente. Teve coisas boas claro: Tirei as pessoas tóxicas de minha vida, tirei carta de motorista, fiz uma cirurgia que me evitou possíveis problemas... Mas ele ainda não acabou e acho que muita coisa ainda vai acontecer nessa minha vida, que podem ser boas ou ruim.

Acho que foi um ano para te colocar à prova da vida, aceitar mudanças e também saber lidar com elas. Após ler esse texto percebi que eu havia aprendido algumas coisas nesse ano e que eu só não estava querendo enxergar.


Então vamos as cinco coisas que aprendi nesse ano:


    1. Desapegar é a palavra: Sério, esse ano foi o que mais desapeguei das coisas, principalmente pessoas. Percebi que muitas pessoas ao meu redor ao invés de somarem, estavam causando problemas emocionais e que eu estava ficando desgastada apenas de vê-las e foi um sábia decisão seguir minha vida.
    2. Não me cobrar ao extremo: Eu como uma pessoa jovem de 21 anos acabei me cobrando demais e o resultado não podia ter sido outro: Começo de crises de ansiedade, Não foi fácil, mas tive que começar a pensar que tudo acontece por uma razão e que é necessário saber dosar a cobrança com a satisfação. Na maior parte do tempo a vida não toma os caminhos que gostaríamos e não tem problema! É só uma forma de nos mostrar que temos diversos outros jeitos de seguir com tudo.
    3. Cuidar da saúde é tudo: Eu como já comentei em um texto por aqui, disse que as pessoas me zoarem por ter "todas as doenças" foi acabando com meu psicológico e eu acabei por deixar de me cuidar até ter que retirar a vesícula (coisa que eu nem sabia que teria porque não ia ao médico). Percebi que as pessoas zoavam por ser o medo delas, medo que elas tivessem doentes ao ver os meus sintomas e aprendi a seguir a vida.
    4. Estar com alguém não é necessariamente conhecê-la: Isso não é necessariamente com relacionamento amoroso, mas para amizades também. Você pode conhecer a pessoa, mas você não deve colocar tanta estimativa em cima da pessoa, ela é humana e pode errar. Não é porque ela te fez mal que você não vai sentir falta dela, muito pelo contrário isso só mostra que você a amou intensamente e que foi bom.
    5. Novo ciclo é começar do zero: Como já disse, astrologicamente foi um ano de novos ciclos. Foi como se os astros estivessem dizendo que era hora de seguir em frente e aprender a viver bem, Nem sempre é fácil, eu por exemplo sofri muito, mas é necessário deixar de insistir tanto por algo que não dá certo e começar a pensar apenas nas coisas que são possíveis de serem boas.
Eu estou pensando bastante em como começar 2017 bem, apesar de todo o clima ruim que estou sentindo, mas sei que por ser um ano de reconciliações (astrologicamente só começa em março) vai ser bom para todos.

E vocês, o que acharam de 2016, aprenderam algo?

You Might Also Like

2 comentários

  1. Apesar de algumas coisas chatas - coisas normais que acontece com todo mundo e a gente precisa aprender a conviver com isso - meu ano de 2016 foi maravilhoso! Conheci e me aproximei de pessoas maravilhosas, encerrei mais um ano do meu curso com sucesso, arrumei um estágio observatório, minha família inteira esteve com muita saúde e claro, a paz reinou muito por aqui <3 Que 2017 seja um ano ainda melhor e que estejamos sempre prontos para mudanças! Sucesso e tudo de melhor pra você, linda <3
    beeijos

    www.marinaalessandra.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai fico feliz do seu ter sido maravilhoso, mesmo! Sucesso e tudo de bom para você também <3

      Excluir

-Nada de ofensas.
-Criticas e sugestões são sempre bem vindas.
-Deixe o endereço de seu blog para que eu possa retribuir.

Acompanhe no Instagram!